Possibilidade de candidatura de Desidério Silva “foi um boato que andou por aí”

pub

Lagos_Anuncio
pub

Primeira parte da entrevista ao presidente da Câmara de Albufeira, Carlos Silva e Sousa, em que se fala de questões políticas, das necessidades que o concelho enfrenta, em termos de cuidados públicos de saúde, e do futuro quartel dos Bombeiros.

(Leia as outras partes da entrevista: Parte 2 e Parte 3)

Algarve Marafado (AM) – O concelho de Albufeira já foi governado pelo PS, tendo passado, desde há algum tempo a esta parte, a ser o PSD a merecer a confiança do eleitorado. Foi mais por mérito do PSD ou por demérito do PS que se deu esta mudança?

Carlos Silva e Sousa (CSS) – Eu não gosto de fazer esse tipo de julgamentos. O povo, nesse aspecto, é que fez essa escolha e, de lá para cá, tem mantido essa confiança e julgo que também temos sido merecedores dela. Temos feito uma gestão que tem sido positiva para Albufeira, que tem contribuído para desenvolver o concelho, para ultrapassar as suas dificuldades e manter um rumo muito preciso, no qual julgo que as pessoas se revêm.

Algarve Marafado (AM) – O concelho de Albufeira é, sociologicamente, mais socialista ou social-democrata?

CSS – É um concelho em que as pessoas pensam pelas suas cabeças, há uma grande fatia do eleitorado que, ora vota num ora vota noutro partido, consoante o julgamento político que, em cada altura, faz.

AM – O que tem feito o PSD para obter a confiança do eleitorado?

CSS – Penso que não obstante as dificuldades, temos dado sempre primazia ao apoio aos mais desprotegidos, que precisam que o município os ampare. A outra base fundamental da nossa actuação é saber que o turismo é a nossa principal alavanca no sentido da criação de riqueza, pelo que também nunca descurámos esta vertente. Temos trabalhado no sentido de ir estendendo cada vez mais a chamada época balnear

Depois, é saber estar junto das pessoas e contando com elas e com o movimento associativo para desenvolver a persecução do interesse público. A tudo isto junta-se uma boa gestão.

AM – As eleições seguintes são, por regra, sempre as mais difíceis. As de 1 de Outubro causam-lhe algum temor ou o candidato do PS não lhe causa qualquer preocupação?

CSS – Pautei-me sempre na minha vida – que tem sido de luta por causas – por um grande respeito pelos meus adversários e pelas suas próprias causas. Menosprezar os adversários e ter uma atitude de soberba é negativo para a própria pessoa porque torna-se autista no mau sentido da palavra, pois não ouve ninguém, julga que sabe tudo. A minha postura nunca foi essa, nem na minha vida de advogado, nem vai ser agora na política.

AM – Chegou a temer que Desidério Silva fosse candidato pelo PS ou como independente ou essa possibilidade não passou de um boato?

CSS – Penso que foi um boato que andou por aí.

AM – O que é que mais teme no desafio do próximo mandato?

CSS – Não sou um homem de temores nem de medos, tenho bastante confiança no futuro. Com a capacidade que, neste momento, temos de investimento há que levar por diante bons projectos para Albufeira, que nos fazem falta, é ter a capacidade de saber escolher o que é melhor para Albufeira, uma vez que, apesar de termos alguma folga, os recursos são sempre limitados. Há que continuar a fazer uma boa gestão do dinheiro público, de forma a maximizá-lo em sede de investimentos para suprir as necessidades do concelho.

“Temos falta de médicos e enfermeiros”

AM – Ao nível dos cuidados de saúde pública tem havido, nos últimos tempo, uma série de queixas. Já mudou alguma coisa para melhor?

CSS – É uma área na qual não estou muito à vontade, por não ser da competência da Câmara. Mas penso que temos falta de médicos, enfermeiros e assistência, a esse nível, assim como temos algum défice ao nível do socorro, que passa por mais meios do INEM.

Naquilo que está nas nossas mãos, temos vindo a tentar colmatar essas deficiências, ainda na semana passada entregámos mais dois motociclos aos bombeiros para serem usados em acções de assistência enquanto não chega uma ambulância, pois pode haver atrasos.

Pedi reforços de meios às entidades competentes, pois é preciso não esquecer que passamos de uma população de 40 mil para 400 mil pessoas no Verão. De qualquer forma não temos tido, felizmente, até agora, situações muito graves.

AM – Acha que o reforço previsto chega? Ainda há dias ouvi o comandante dos Bombeiros de Albufeira queixar-se que, este ano, por cerca de 500 vezes, os seus meios ficaram todos ocupados, sem poder socorrer mais ninguém, tendo, inclusivamente, que ser chamados meios de Portimão, Loulé e de outros pontos do Algarve.

CSS – É verdade. Se vierem os reforços que pedimos, julgo que chegará para fazer face às necessidades. Agora, não sei se virá tudo o que pedimos.

AM – Há algum tempo prometeu a construção de um novo quartel dos Bombeiros. Como é que está esse processo?

CSS – Está em andamento. Estão em análise as várias hipóteses que, neste momento, temos e até as que ainda não temos, estamos abertos a procurar mais algumas, mas é uma intenção séria de se arranjar um quartel mais adequado.

Deverá ficar fora da localidade, tal como o actual que, quando foi construído estava fora da malha urbana, as coisas evoluíram e agora está dentro e está um bocado ‘entupido, na sua capacidade de resposta imediata. Portanto, queremos arranjar um local estratégico, com boas condições para os bombeiros poderem sair rapidamente em acções de socorro e com espaço suficiente não só para fazer face às necessidades actuais, mas também às futuras.

Mas, também, quero dizer que, apesar de procurarmos um local para fazer um novo quartel, queremos manter sempre aquele no local em que está, sendo um referencial dos bombeiros e para que estejam mais perto das populações.

Este é, portanto, um processo que está em curso e espero, também, vê-lo concretizado no próximo mandato.

(Leia as outras partes da entrevista: Parte 2 e Parte 3)

  Leia também:

“Já digo há bastante tempo aos hoteleiros para subirem os preços”

“Esta é uma coligação com os verdadeiros social-democratas, os outros não interessam”

“Quero ter uma vitória esmagadora”

(Visited 286 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *