“Roma não paga a traidores”

pub
pub

Lagos_Anuncio

“Roma não paga a traidores”. A frase foi escrita por Cristóvão Norte no seu mural de Facebook e é uma evidente reacção ao facto de não ter sido eleito presidente da Mesa da Assembleia Municipal de Faro, apesar de ser o nº 1 da lista “Faro no Rumo Certo” (PSD/CDS/MPT e PPM), a mais votada para aquele órgão, mas sem maioria absoluta.

Ao contrário do que acontece na votação para a Câmara, o primeiro elemento da lista mais votada não garante automaticamente a presidência daquele órgão. Se quiser o cargo tem que se submeter a uma votação interna, na qual participam todos os elementos directamente eleitos para a Assembleia Municipal e os presidentes de Junta (que, por inerência, fazem parte daquele órgão), na sessão de tomada de posse.

E foi isso que aconteceu na tarde desta Terça-feira, 11 de Outubro. Cristóvão Norte apresentou-se como candidato à liderança da Assembleia, mas teve concorrência, pois o PS também lançou para a votação o nome de Luís Graça. Contra todas as expectativas, o candidato socialista acabaria por conseguir recolher o apoio de 14 elementos contra apenas 13 de Cristóvão Norte.

Tendo em conta que o número de elementos com que a coligação “Faro no Rumo Certo” conta é de 14, isso significa que pelo menos um deles não votou no seu candidato, o que contribuiu decisivamente para a vitória do candidato socialista, daí se percebendo o desabafo de Cristóvão Norte de que “Roma não paga a traidores”.

  Leia também:

84 ofertas de emprego para o Algarve

PSP de radar em punho

Polícia Marítima apreende polvos e detector de metais

(Visited 496 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *