Ideias de negócios apresentadas

pub

Esta Quarta-feira, 7 de Março, chegou ao fim o 1º  Bootcamp de Empreendedorismo promovido pela Startup Portimão, instalada junto ao Autódromo Internacional do Algarve.

Ao longo de várias sessões, empreendedores com ideias de negócio participaram em acções de formação relacionadas com temáticas e competências de que necessitam para concretizarem com sucesso os seus projectos.

No decorrer da sessão de encerramento, 9 dessas ideias foram apresentadas publicamente. Os empreendedores tiveram 5 minutos cada para convencer a audiência e, depois, mais dois para responder a perguntas colocadas por Tim Vieira, da Bravegeneration, conhecido do grande público por ter participado na versão portuguesa do programa televisivo Shark Tank; Catarina Marques Vieira, da Capital Europeia da Juventude; João Borga, da Rede Nacional de Incubadoras, e Paulo Pinheiro, do Autódromo Internacional do Algarve.

No final, Luís Matos Martins, responsável máximo pela gestão da Startup Portimão, fez um balanço muito positivo dos primeiros seis meses de existência da incubadora, que em tão pouco tempo conseguiu um nível de “notoriedade e reputação” muito acima do que tinha previsto. Este responsável adiantou que, nos próximos tempos, vai ser levado a cabo um programa de aceleração que visa fazer crescer e elevar a novos patamares empresas já existentes.

Paulo Pinheiro, do Autódromo do Algarve, revelou ter sido surpreendido pela dinâmica da Startup e assumiu que é importante para si e para a sua equipa “este contacto com uma visão completamente diferente da nossa”, tendo-se mostrado muito optimista sobre as consequências que esse relacionamento pode, no futuro, trazer para as duas partes.

A presidente da Câmara de Portimão, Isilda Gomes, mostrou-se muito satisfeita com a evolução da Startup Portimão, o concretizar de uma ideia que teve mas que só conseguiu concretizar porque “o Paulo Pinheiro disponibilizou gratuitamente este espaço”.

A autarca revelou que quer levar projectos de empreendedorismo às escolas do concelho e criar o Manual do Empreendedor, “uma ferramenta que permita a quem quer empreender e estabelecer-se em Portimão conhecer quais são os requisitos e o que tem de fazer” para rapidamente poder avançar com o seu investimento.

Igualmente presente na sessão esteve Carlos Abade, vogal do Conselho Directivo do Turismo de Portugal, que se referiu aos resultados muito relevantes que o sector teve em 2017, com receitas de 15,2 mil milhões e a criação de mais 50 mil postos de trabalho. Mas colocou a tónica na importância que o turismo tem, por efeito de ‘arrastamento’, para outros sectores, e defendeu que deve haver uma ligação cada vez maior entre áreas e actividades económicas diferentes, mas complementares, de forma a contribuir-se para um país “cada vez mais coeso e sustentável”.

A sessão foi encerrada pelo secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, que realçou o bom momento pelo qual a economia portuguesa está a passar, com crescimento de 2,7% em 2017, circunstância permitiu baixar a taxa de desemprego para níveis históricos.

No que diz respeito à questão do empreendedorismo, o governante destacou um programa que vai permitir a jovens que não estão a trabalhar nem a estudar uma acção de formação a desenvolver ao longo de seis meses. O objectivo é apoiar 90 projectos de empreendedorismo.

Leia também:

Ofertas de emprego para unidade hoteleira

Ofertas de emprego da semana

Ofertas de emprego para o Algarve (5 de Março)

(Visited 229 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *