António Costa anuncia medidas de apoio aos afetados pelo incêndio

pub
pub
pub
pub

O incêndio provocou danos em, pelo menos, 17 casas de primeira habitação em Monchique. No decorrer de uma deslocação ao concelho, ocorrida esta sexta-feira, o 1º ministro anunciou que vão ser disponibilizados apoios para resolver os problemas das pessoas que ficaram desalojadas, quer seja através da reconstrução integral das habitações, quer do seu arranjo ou de uma solução de arrendamento.

Outra vertente é a do apoio à alimentação de animais. Nesta altura, assegurou António Costa, o Centro de Distribuição Alimentar do Patacão já está abastecido com feno e rações para bovinos e suínos, que, em articulação com as câmaras e as juntas de freguesia, serão disponibilizados. Para a semana também haverá açúcar para distribuir para permitir a manutenção da atividade apícola no concelho.

Em paralelo, começa a ser feito o levantamento de todos os prejuízos, de forma a que os afetados possam candidatar-se a apoios comunitários para restabelecer o potencial produtivo. Para semana terá lugar na Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve (CCDR) uma reunião com os empresários que tiveram prejuízos, no sentido de os encaminhar “para as diferentes linhas de apoio que respondam às necessidade de cada uma”. No que diz respeito a unidades turísticas que, devido ao incêndio, tiveram de encerrar, António Costa referiu que há uma linha de financiamento à tesouraria da Secretaria de Estado do Turismo que podem utilizar, para conseguirem manter a atividade e os postos de trabalho.

O 1º ministro anunciou, igualmente, que o Instituto de Conservação da Natureza e Floresta vai dar prioridade imediata às “ações de estabilização de emergência para evitar derrocadas e a contaminação dos aquíferos”. Os dados existentes até agora indicam que “não há nenhuma linha de água ou fonte que esteja afetada”.

Por fim, garantiu que será elaborado um programa o reordenamento económico da serra de Monchique “para assegurar que não tenha a sua atividade económica tão dependente das espécies de crescimento rápido, possa ter uma diversificação da sua base económica”.

Leia também:

Campanha de recolha de produtos para vítimas do incêndio

Linha de informação para apoiar bombeiros ou pessoas afetadas pelo incêndio

Ofertas de emprego para o Algarve (9 de agosto)

 

(Visited 161 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *