Socialistas exigem demissão imediata de David Santos

O PS não quer ter o novo líder do PSD/Algarve a dirigir a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) e exige a sua demissão. O alvo de um comunicado da Federação Regional do PS é David Santos, o presidente daquele organismo que, no Sábado, foi eleito líder do PSD/Algarve, sucedendo a Luís Gomes.

Os socialistas duvidam que seja possível que David Santos, enquanto dirigente da CCDR, durante o período de expediente, siga e coloquem em prática as orientações políticas do Governo socialista e, ao sair do trabalho, se assuma como o principal rosto do combate a essas políticas.

Para além disso, não acreditam que “o presidente eleito do PSD-Algarve reúna as condições de confiança, independência, imparcialidade, isenção e lealdade exigíveis” para desenvolver as funções de presidente da CCDR.

De forma que, em função de tudo isto, para o PS, a solução passa por David Santos apresentar “a sua imediata demissão” do cargo. Até porque, lembram os socialistas, “em situação idêntica no passado, dirigentes do mesmo organismo nomeados pelo Partido Socialista demitiram-se e colocaram os respectivos lugares à disposição do Governo em funções”.

(Visited 103 times, 1 visits today)
pub

pub

pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.