Os investimentos da Câmara de Loulé no sector da Educação

pub

A Câmara de Loulé vai investir, este ano, uma verba correspondente a cerca de 9% do seu Orçamento em projectos no sector educativo.

O transporte escolar deverá custar cerca de 1,3 milhões de euros. Um valor apenas ligeiramente inferior é que se destina a financiar o fornecimento das refeições escolares: 1,2 milhões de euros.

A Câmara de Loulé tem uma dotação de cerca de 400 mil euros para o já habitual programa “Livros Para Todos”, que consiste na oferta de manuais escolares e fichas de trabalho a todos os alunos do 1º ciclo do ensino básico do concelho. Este ano, a grande novidade será o alargamento desta distribuição gratuita dos manuais aos alunos que frequentam o 2º Ciclo de ensino (5º e 6º anos).

Para assegurar a segurança, limpeza e outras vertentes da gestão dos espaços escolares, a Câmara de Loulé celebrou protocolos de transferências e meios com os Agrupamentos de Escolas, num montante previsto de 1,3 milhões de euros.

O projecto “Férias para Todos” prosseguirá no período de interregno escolar das férias da Páscoa e de verão, proporcionando às crianças das escolas do ensino básico, com idades compreendidas entre os 6 e os 12 anos, diversas actividades lúdicas. Este ano, o programa será alargado aos alunos que frequentam o 3º Ciclo (7º, 8º e 9º anos) e secundário – “Férias XL”. Este projecto custa cerca de 120 mil euros.

A autarquia louletana continuará a subsidiar a componente de animação e apoio à família no período após o horário lectivo, possibilitando que os alunos permaneçam nas escolas após o término das aulas, sob o acompanhamento de animadores.

Há ainda a referir os projectos pedagógicos como: “Poesia na Escola”, “Música com Concertos Interativos”, “Teatro Somos P(A)rte”, “Educação para a Saúde e Ambiente”, “Eco-Escolas” ou “Não desperdices o teu Futuro”.

Ao nível dos equipamentos, o destaque vai para a obra de requalificação da Escola EB 2,3 D. Dinis de Quarteira, um investimento orçado em 4,5 milhões de euros.

Os melhoramentos  a realizar em vários estabelecimentos de ensino deverão custar 420 mil euros e  o programa de apoio à modernização e inovação tecnológica nas escolas do concelho tem uma dotação de 300 mil euros. Leia também:

Ofertas de emprego público para o Algarve

(Visited 67 times, 1 visits today)
pub

pub
pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.