A história da Igreja Matriz de Portimão em livro

No próximo dia 10 de Dezembro, pelas 16 horas, na Igreja Matriz de Portimão, será apresentado o mais recente trabalho de Nuno Campos Inácio relativo à história de Portimão.

Trata-se do livro “Igreja Matriz de Portimão – 550 Anos de História (1467-2017)”, uma monografia com mais de 300 páginas, que, segundo o autor, “revela muita documentação inédita, que integrava o acervo documental da Igreja Matriz, que muito enriquece não só a história da igreja como toda a história de Portimão”.

O percurso começa em 1467, quando o Bispo do Algarve concedeu aos moradores de Vila Nova de Portimão autorização para edificarem a sua igreja. A obra explica como é foi construída; em que estilo arquitectónico; que alterações sofreu ao longo dos tempos; como era a vida religiosa portimonense desde o Século XV até à actualidade e quem foram os seus patronos e beneméritos.

São igualmente elencados os nomes dos sacerdotes a serviram; quantas pessoas receberam o baptismo na sua pia baptismal, se receberam em matrimónio, ou nela foram sepultados; que confrarias teve, como estavam organizadas e durante quanto tempo existiram; que capelas, ermidas e oratórios integravam a Paróquia de Portimão; como evoluiu a freguesia; que festas religiosas e procissões se realizaram e realizam; quem bens integravam o seu património, com a transcrição do seu Tombo, são algumas questões desenvolvidas nesta obra.

Com este livro, que vem na sequência da “História do Condado de Vila Nova de Portimão (1465-1698)”, apresentado por Nuno Campos Inácio em Junho, o autor dá por concluída a investigação deste período de origem de Portimão.

  Leia também:

Feridos em acidentes

Prisão preventiva para suspeito de abuso sexual de crianças

Ofertas de emprego para agrupamento de escolas

(Visited 328 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.