Demolição de edifício ilegal na Quinta do Lago

pub
pub

O edifício implantado no Lote Nº 30, do Loteamento do Lago, na Quinta do Lago que não se encontrava em conformidade com as regras de urbanísticas prosseguidas pelo município,foi sujeito a demolição, no seguimento do alvará emitido pela Câmara Municipal de Loulé.

Em 2014 foi apresentada um pedido de construção de uma moradia com piscina e portão no loteamento do Lago, aprovada em janeiro de 2015 pelos serviços municipais. Após análise técnica, a autarquia verificou que a obra não estava a cumprir as normas legais e regulamentares, apresentando divergências no limite do lote.

Lê-se, em comunicado que pós várias tentativas para tornar legal uma construção que teve problemas desde o seu início, nenhum dos projetos apresentados se manteve em consonância com os requisitos técnicos do município louletano.

Deste modo, a autarquia emitiu o alvará de licença para obras de demolição desta construção ilegal, repondo, assim, a legalidade, de acordo com informação camarária.

Para o presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vítor Aleixo, esta ação “é um bom exemplo da celeridade e da eficácia dos serviços municipais numa área tão importante para a dinâmica económica do Concelho”. “Esta demolição permitirá agora que o território possa ser alvo de uma intervenção urbanística, indo ao encontro do alvará de loteamento e do Plano de Urbanização da Quinta do Lago”, sublinha ainda o edil.

Leia também:

Prisão preventiva para suspeito de homicídio

O que vai acontecer em Portimão

O que vai acontecer em Lagos

(Visited 82 times, 1 visits today)
pub

pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

pub