Polícia Marítima ataca pesca ilegal de polvos

pub

Elementos da Polícia Marítima de Olhão levaram a cabo, na 2ª feira, uma ação de fiscalização com o objetivo de reprimir atividades de pesca ilegais no interior da Ria Formosa, especialmente dirigida à deteção de artes ilegais e caladas sem identificação e sinalização à superfície.

Decorrente desta ação foi detetada e apreendida uma teia de armadilhas de abrigo, no total de 22 armadilhas, vulgarmente designadas por alcatruzes, cuja utilização no interior da Ria Formosa não é permitida.

Esta arte tem como alvo a captura de polvos, tendo todos os exemplares que se encontravam no seu interior sido imediatamente devolvidos ao seu habitat natural.

 

LEIA TAMBÉM:

Duas ofertas de emprego público

Vai ser mais barato estacionar em Portimão

Veja onde vai estar a PSP com o radar

(Visited 174 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub