Cristóvão Norte quer que turistas tragam certificados de que não estão infetados com Covid-19

pub
pub

O deputado algarvio Cristóvão Norte defendeu, em intervenção proferida na audição ao ministro da Economia, Pedro Siza Vieira, a “obrigação de quem entrar no país/ região venha munido de um certificado de como está Covid-19 negativo”.

Trata-se de uma medida que considera ser vital, pois “só assim se dá confiança a quem vem, a quem cá está, se previne o descontrolo das condições sanitárias e se reforça as condições do turismo”.

É, portanto, na sua opinião, “a melhor forma de ter turismo em grandes quantidades com risco mínimo para a saúde. Doutra forma, podemos colocar em perigo o que foi bem feito”.

Cristóvão Norte defende que, por isso, “o Estado deve investir nesse objetivo, reembolsando quem suportar esse custo, considerando que esse seria um investimento menor para ganhos essenciais para salvaguardar as empresas e o emprego”.

O deputado instou ainda que seja criado um programa de resposta específico para o turismo e para regiões mais deprimidas, o qual deve tratar, entre outras coisas, “o fim das mais-valias no alojamento local, a revisão de proibições que não fazem sentido em áreas como a restauração e animação turística, bem como o alargamento do lay-off simplificado, de modo a que as empresas do setor possam subsistir até voltar a retoma, previsivelmente até à Páscoa de 2021”.

LEIA TAMBÉM:

Covid-19: Mais 4 casos no Algarve

Dois jovens morrem em despiste de viatura

Três ofertas de emprego público

(Visited 69 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev