Investimento superior a 3 milhões para construção de lar e centro de atividades

pub
pub

O Programa Operacional Regional do Algarve vai financiar a construção do Lar Residencial e Centro de Atividades Ocupacionais da Associação Algarvia de Pais e Amigos de Crianças Diminuidas Mentais (AAPACDM), orçado em 3,16 milhões de euros, cuja primeira pedra é hoje lançada em Faro.

A presente operação pretende contribuir para o aumento da taxa de cobertura dos equipamentos desta natureza, por forma a promover a inclusão social e a diminuição da discriminação na região do Algarve, através da criação de uma nova resposta social e da ampliação de uma resposta já existente, reforçando a resposta da região destinadas às pessoas com deficiência e incapacidade.

O edifício será composto pelo Centro de Atividades Ocupacionais (CAO), Lar Residencial (LR), zona administrativa e de serviços, encontrando-se na zona de Administrativa tudo o que é comum às duas respostas sociais, mais concretamente a administração e os serviços de apoio, na zona de CAO as salas de atividades, de fisioterapia e ginásio, e por, por último, na zona de LR os quartos e respetiva sala de convívio. 

Nesta fase pretende-se uma capacidade para o CAO de 32 utentes e para o Lar Residencial de 30 utentes e a localização do edifício permitirá ampliar futuramente caso seja necessário.

A empreitada por adjudicada concurso público, no valor de 3.289.620,58 €, sendo financiada pelo Programa Operacional do Algarve em 60% do valor elegível, com verbas do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).

LEIA TAMBÉM:

Homem ferido em acidente em Portimão

António Zambujo e Gisela João atuam esta semana no Algarve

Três ofertas de emprego para câmara algarvia

(Visited 21 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub
pub
pub