Casos de Polícia

Detido pela PJ de Faro: usava identidades falsas para criar empresas usadas em esquema de burlas

Partilhe a notícia
pub
pub

Um homem, com cerca de 45 anos de idade, foi detido pela Polícia Judiciária, através da Diretoria do Sul, por suspeitas da prática de vários crimes de falsificação de documentos agravada, burla qualificada e branqueamento de capitais. A detenção aconteceu no âmbito de uma investigação em curso titulada pelo DIAP de Faro e contou com a colaboração da GNR de Mértola.

Segundo a PJ, “a atividade criminosa do detido consistia em proceder à constituição de empresas, que não tinham qualquer atividade, com recurso a várias identidades falsas, em nome das quais abriu dezenas de contas bancárias em instituições de crédito sedeadas em território nacional”.

“Uma vez abertas, as contas eram creditadas com transferências de elevados montantes, obtidos de forma ilícita, designadamente com recurso aos esquemas vulgarmente conhecidos por “man-in-the-middle” ou “CEO-Fraud” (Business Email Compromise)”, explica as Polícia Judiciária.

Após dissimular a proveniência ilícita dos fundos recebidos, os montantes “eram transferidos para outras contas, recebendo o suspeito uma percentagem das transações efetuadas”. Foram apreendidos “significativos elementos de prova, prosseguindo-se a investigação com vista à delimitação da extensão desta atividade criminosa”.

……………….
VÍDEO EM DESTAQUE

Invasão de novos hotéis em Portimão e Lagos

Assista aqui a todos os nossos vídeos

(Visited 89 times, 1 visits today)
pub
pub
pub

EVENTOS NO ALGARVE