LazerVídeos

O trilho sobre as arribas que conduz a um fantástico pôr do sol (com VÍDEO)

Partilhe a notícia
pub
pub
pub
pub

Assista ao vídeo aqui

Este é um dos trilhos mais espetaculares do Algarve. Tem paisagens de cortar a respiração, belas praias e uma vista privilegiada sobre o oceano.

Pelo caminho, encontramos um antigo posto de vigia, um farol e vários algares, com a água, quase invisível, a circular bem lá no fundo.

E a caminhada termina num ponto, a partir do qual podemos ir controlando os barcos que entram e saem da barra e admirar a praia da Rocha, situada do outro lado do rio.

Este é o Caminho dos Promontórios e estende-se por cerca de seis quilómetros, no concelho de Lagoa.

A expedição começa junto a uma pequena praia, a que foi dado o nome de Paraíso, localizada a dois passos da praia do Carvoeiro.

A partir daqui, não tem nada que saber, há que dar corda aos sapatos, começar a caminhar ao longo da faixa costeira e ficar deslumbrado com o panorama que vamos encontrando pela frente, composto por muita água, pelo rendilhado das rochas pacientemente talhado pelo tempo e pela natureza, por muitas aves e vegetação.

Mas convém ter sempre presente que nos encontramos a poucos passos do abismo e ter o máximo cuidado possível para evitar uma queda que, a acontecer, pode ser fatal.

A cerca de metade do passeio encontramos a torre da Lapa, um antigo equipamento de vigilância da costa. Quem estava de serviço, ao avistar um barco suspeito, alertava a população para a ameaça iminente, ateando fogo de noite ou fazendo fumo de dia.

Assista ao vídeo aqui

Ao longo do percurso, vamos avistando pequenas ilhas. A mais famosa é a que dá pelo nome de Leixão das Gaivotas, que é um autêntico berço e santuário de garças.

Fica em frente à ponta do Altar, que avança 260 metros mar adentro. Isso permitiu a formação de vários algares ou poços naturais, no fundo dos quais a água continua a circular.

Aqui chegados é um crime não admirar o farol que, desde 1893, tem como missão evitar que os barcos choquem com as rochas. Tendo em conta o nível de vida atual, pode dizer-se que a sua construção foi uma pechincha, pois custou pouco mais de 2 contos de reis.

Já falta pouco para terminar a caminhada mas ainda há tempo para admirar um conjunto de rochas que maisd parecem uma escultura feita pela natureza, que parece também ser um local de eleição para a pesca.

E se o calor apertar há a possibilidade de aproveitar o facto da praia do Pintadinho estar logo ali à mão de semear para dar um mergulho na água normalmente tépida do Algarve.

Agora é só subir uma pequena encosta para chegarmos ao nosso destino, o miradouro da Praia do Molhe, um dos mais belos do Algarve, que fica situado junto à foz do rio Arade.

Daqui pode-se acompanhar o vai e vem dos barcos, rio acima, rio abaixo, em direção ao mar, devidamente protegidos pelos molhes de Ferragudo e da Praia da Rocha, cujo areal também se avista daqui, tal como o da praia grande de Ferragudo.

E se, depois deste passeio de cerca de 3 horas, ainda nos sobrar algum tempo, podemos acabar a jornada a ser presenteados com mais um espetáculo de rara beleza: o pôr do sol.

Assista ao vídeo:

Assista aqui a todos os nossos vídeos

(Visited 1.169 times, 1 visits today)

EVENTOS NO ALGARVE