Cultura

Loulé já começa a preparar mais um Festival MED

Partilhe a notícia
pub
pub
pub
pub

De 27 a 30 de junho, Loulé recebe mais uma edição do Festival MED.

Durante a apresentação do evento, que decorreu esta sexta-feira, 1 de março, no stand do Município de Loulé na BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, a organização anunciou algumas novidades, desde logo os primeiros nomes que irão fazer parte do cartaz, mas também uma iniciativa que marca uma viragem de página nesta nova década do MED: a partir de agora, a cada ano, haverá um país convidado.

Cabe ao Reino de Marrocos ser o primeiro a mostrar em Loulé a sua cultura e tradições, seja através da música, artesanato, gastronomia, literatura e outras vertentes culturais. No Claustro do Convento do Espírito Santo será recriado um Souk, e durante estes dias os visitantes poderão vivenciar o verdadeiro ambiente do Magreb, da decoração aos cheiros e sabores, da música às danças. A gastronomia de Marrocos será um dos destaques, já que diariamente o público poderá degustar pratos típicos como as tagines, os couscous, as keftas ou o tradicional chá de menta, ao mesmo que no palco irão atuar artistas marroquinos. O artesanato tradicional será trabalhado “ao vivo e a cores”. Além disso, será exibido um filme de Marrocos integrado na programação do Cinema MED, lançado um lançamento um livro e realizada uma conferência sobre o seu autor.

Em 2024, o MED conta 90 horas de música, 54 concertos, 358 músicos, 30 nacionalidades, 12 palcos, 100 expositores de artesanato, 2 exposições de arte, 12 grupos de artistas de rua e 1 país convidado, Marrocos.

Nesta altura já estão garantidas as seguintes atuações: Afrotronix (Chade), Anthony B (Jamaica), Antti Paalanen (Finlândia), Bixiga 70 (Brasil), Chico César (Brasil), Dubioza Kolektiv (Bósnia e Herzegovina), Idiotape (Coreia do Sul), Kumbia Boruka (México/Chile/Argentina/França), Mazgani (Portugal/Irão), Mouvman Alé (Ilha da Reunião), Oum (Marrocos), Puuluup (Estónia), Roberto Fonseca (Cuba), Sofiane Saidi (Argélia), Throes+The Shine (Angola/Portugal), Tito Paris (Cabo Verde) e de Portugal, Kumpania Algazarra, Lina, Rita Vian e Teresinha Landeiro

……………….
VÍDEO EM DESTAQUE

Um rei português tentou salvar-se nestas águas

Assista aqui a todos os nossos vídeos

(Visited 81 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

EVENTOS NO ALGARVE