Receitas turísticas sobem no Algarve

pub

O mercado irlandês foi o que, no mês de agosto, apresentou um crescimento maior nas unidades de alojamento algarvias, tendo registado um aumento de 26,2%, revela a Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA).

Em sentido contrário andaram os mercados alemão (-19,1%) e holandês (-5,4%), que foram os que apresentaram as maiores descidas.

Pelas contas daquela associação, a taxa de ocupação global média/quarto foi 93,6%, ligeiramente abaixo da verificada em 2018 (-0,4%).

A zona geográfica de Lagos / Sagres é a que regista a maior descida (-8,1%), uma vez que se encontra mais exposta ao mercado alemão, não tendo as restantes zonas geográficas e as diferentes categorias de empreendimentos turísticos registado oscilações significativas.

O volume de vendas aumentou 2,1% face ao mesmo mês do ano anterior, e regista um aumento acumulado de +2,7% desde o início do ano.

Desde o início do ano a taxa de ocupação quarto mantém-se ao mesmo nível do verificado no período homólogo de 2018 (+0,2%).

 

LEIA TAMBÉM:

Uma tarde diferente em Veneza, perdão, em Ferragudo

19 ofertas de emprego para Câmara algarvia

Veja onde vai estar a PSP com o radar

(Visited 98 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub