Prisão preventiva para suspeito de roubos, agressões e homicídio

Ficou em prisão preventiva o homem que a Polícia Judiciária (PJ) e o Ministério Público (MP) acredita ser o autor de vários assaltos, de que resultaram a morte de uma idosa e ferimentos em, pelos menos, duas outras.

Segundo comunicado do Ministério Público, o homem, de 26 anos de idade “é suspeito de, na sexta-feira, 22 de outubro, ter entrado numa casa térrea em Olhão e de ter agredido repetidamente a soco a moradora, de mais de 90 anos de idade, até a deixar caída no chão, sem sentidos.”

Na manhã do dia seguinte, terá feito o mesmo a uma outra idosa, em Faro, e ainda agrdiu uma vizinha, que, ao ouvir os gritos de socorro, entrou na casa.

O MP acrescenta que o agora detido “é ainda suspeito de, logo a seguir, ter arrombado a porta de outra casa situada em Faro, e de ter agredido repetidamente até à morte a moradora, também de idade avançada.”

Depois das agressões, o arguido terá, em todos estes casos, “procurado nas habitações bens e valores das vítimas e levado os que encontrou.”

O homem é reincidente, “tendo já sido condenado pela prática de vários tipos de crimes, designadamente roubo, sequestro e furto e encontrava-se em liberdade condicional.”

Leia também:

Detido por suspeita de tráfico de droga

Suspeito de assaltos, agressões e homicídio apanhado pela PJ

(Visited 146 times, 1 visits today)
pub

pub

pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.