Barco de pesca sujeito a multa que pode chegar aos 30 mil euros

pub
pub
pub

Um barco de pesca que estava a operar numa zona de protecção do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, foi apanhado numa acção de fiscalização da Polícia Marítima e fica sujeito a uma multa que vai dos 25 mil aos 30 mil euros.

Os valores elevados da coima devem-se ao facto da zona em que a embarcação se encontrava ser classificada de protecção parcial tipo I, onde a pesca é proibida, sendo a infracção considerada como muito grave.

No decorrer da operação de fiscalização, que teve lugar esta Terça-feira, 14 de Novembro, a PM fiscalizou mais quatro embarcações de pesca, que se encontravam a exercer a actividade entre a Ponta da Piedade e o Cabo de São Vicente, tendo daí resultado a instauração de dois processos de contra-ordenação.

Nesta operação, que decorreu entre as 17h00 e as 21h00, estiveram envolvidos quatro elementos apoiados por uma embarcação do Comando-local da Polícia Marítima de Lagos.

Leia também:

Monumento de homenagem aos Bombeiros de Portimão vai ser inaugurado

PSP de radar em punho (Novembro)

10 ofertas de emprego para autarquia algarvia

(Visited 265 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.