Suspeito de roubos em Portimão fica em prisão preventiva

Um homem ficou em prisão preventiva após ser sujeito, ontem, a primeiro interrogatório por um juiz do Tribunal de Portimão.

Segundo refere o Ministério Público (MP), em comunicado, o homem, de 24 anos de idade, é suspeito de prática de um crime de furto qualificado tentado e de dois crimes de furto qualificado consumados.

Em março de 2019, o agora detido terá, alegadamente, partido o vidro de uma janela de uma moradia situada numa urbanização em Portimão, tendo, no entanto, sido surpreendido pelo proprietário quando já se encontrava no interior da habitação.

O Ministério Público também alega que, em fevereiro do ano passado, o agora detido voltou à mesma urbanização, trepou o muro circundante de uma moradia, seguiu para as traseiras da edificação onde partiu o vidro de uma janela da cozinha. Pelo espaço criado penetrou no seu interior, onde permaneceu vários dias e onde se apropriou de bens e bebidas.

No passado dia 5 de fevereiro, igualmente na referida urbanização, refere o MP, “dirigiu-se a outra moradia, abriu o portão do muro que a vedava, acedeu à porta principal que se encontrava encostada e penetrou na casa, tendo-se apropriado de roupa e de um telemóvel que se encontrava no hall”.

O homem acabou por ser detido pela PSP e fica agora em prisão preventiva a aguardar julgamento.

LEIA TAMBÉM:

Mais um acidente na ‘ponte nova’ de Portimão

Incêndio em apartamento na cidade de Portimão

Muitas ofertas de emprego no Algarve

(Visited 271 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev