Ecrãs digitais de Portimão vão voltar a funcionar

Os ecrãs gigantes instalados em diversos pontos de Portimão, que estão desactivados há vários anos, vão voltar a funcionar. Através de um protocolo assinado esta Quarta-feira (16 de Março), a Câmara local passa essa responsabilidade para a ACRAL – Associação do Comércio e Serviços da Região do Algarve.

O acordo vai implicar, ainda, a instalação – por parte de uma empresa privada – naquele concelho algarvio, de sete plataformas digitais, através das quais residentes e turistas podem aceder a um vasto conjunto de informações e as empresas podem promover os seus produtos e serviços.

Para a presidente da Câmara de Portimão, Isilda Gomes, esta é mais uma forma de comunicar que o município vai dispor para dar a conhecer o que se passa nele se passa. A autarca lamenta que, actualmente, seja tão difícil fazer passar a informação aos munícipes e considera que estes ‘quiosques digitais’ vêm dar uma preciosa ajuda nesse sentido.

Do seu ponto de vista, as mais-valias que trazem são tão evidentes que se justifica plenamente o investimento “insignificante” que vai ser feito pela debilitada autarquia. A Câmara de Portimão vai fazer um investimento inicial de 7.100 euros, a que há a acrescer um “valor residual” a pagar a uma operadora de telecomunicações para que as sete plataformas estejam sempre ligadas à internet.

Este foi o primeiro acto do novo presidente da ACRAL, Álvaro Viegas, que também vê neste projecto grandes vantagens para os comerciantes e, por isso mesmo, quer estendê-lo a todo o Algarve.

Leia também:

Os projectos que Álvaro Viegas tem para a ACRAL

Social-democratas de Portimão querem adoptar uma rotunda

Portimão é o concelho algarvio com mais desempregados

Subscreva a nossa Newsletter

(Visited 628 times, 1 visits today)
pub

pub

pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.