Câmara de Faro paga o que devia ao Estado

pub

A Câmara de Faro devolveu ao Estado o dinheiro que ainda devia, no âmbito do Programa de Apoio à Economia Local (PAEL).

A autarquia anuncia que, para que isso fosse possível, contraiu um outro empréstimo junto da banca, no valor de quase 13,7 milhões de euros. A grande vantagem desta operação é que vai pagar muito menos juros.

Este financiamento foi contraído com uma taxa indexada à Euribor a 12 meses acrescida de um spread de 1,325%. Tendo em conta que pagava ao Estado uma taxa de juro de cerca de 3%, a autarquia conta poupar cerca de 2,5 milhões de euros ao longo do prazo de amortização do empréstimo, que é de 16 anos.

Em comunicado, a Câmara de Faro vem dizer que este é mais um passo no “longo e duro processo de recuperação das finanças e da credibilidade” que tem vindo a desenvolver. Isso permite que actualmente pague as suas contas a 62 dias, “deixando bem para trás os tempos em que demorava cerca de 380 dias (ano 2010) para fazer face aos seus compromissos.”

Esse processo permitiu também, de acordo com os dados divulgados pela autarquia, que a dívida total tenha baixado de 71,7 milhões em 2010 para 37,1 no final de 2016.

Em face do pagamento da dívida ao Estado, a autarquia quer, agora, sair do Plano de Reequilíbrio Financeiro aprovado em Novembro de 2010, que limitava bastante a sua autonomia, em termos financeiros.

Leia também:

Veja onde vai estar a PSP com o radar

(Visited 77 times, 1 visits today)
pub

pub

pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.