Bandeira de Excelência para Faro

pub

O Município de Faro recebeu na tarde desta segunda-feira, 8 de julho, a Bandeira “Cidade ou Vila de Excelência” de nível III, pelas boas práticas implementadas no âmbito dos trabalhos de qualificação da cidade e pela política de mobilidade implementada. 

A entrega deste terceiro galardão ao Município por parte da Rede de Cidades e Vilas de Excelência, de acordo com esta entidade, “reconhece o manancial de planos, projetos, ações ou iniciativas, em contexto de acessibilidade de mobilidade suave, que tiveram ou terão lugar no espaço público de Faro, almejando assim tornar este núcleo urbano cada vez mais num espaço que prime pela acessibilidade universal e pelo foco nos modos suaves de deslocação”.

Do mesmo modo, em contexto de Regeneração e Vitalidade Urbana, “destaca-se o conjunto de ações qualificadores do espaço urbano de Faro, que se encontram executadas, em execução ou em fase de projecto e que visam promover a regeneração urbana consolidada em espaços de vitalidade urbana e aproveitar o seu património de forma sustentável e inteligente” e de que são exemplos:

 

  • Requalificação da EM-527/1 com construção de um troço da Ecovia;
  • Circuito turístico acessível na Vila Adentro (procedimento em preparação);
  • Reconversão do Largo Afonso III (procedimento em preparação);
  • Rampa de acesso ao claustro da Igreja da Sé, no Largo da Sé, em Faro (projeto de arquitectura elaborado);
  • Reconversão do Largo de S. Pedro;
  • Museu Municipal de Faro – acessibilidades e oficina de restauro;
  • Reconversão do Largo do Pé da Cruz;
  • Reconversão da Praça Ferreira de Almeida, Largo do Poço do Bispo e arruamentos contíguos (projeto em desenvolvimento);
  • Projeto de execução da Avenida 25 de abril – 1.ª e 2.ª fases (projeto);
  • Requalificação do Passeio Ribeirinho de Faro (projeto em elaboração);
  • Passeio Marítimo de Faro (projeto em elaboração);
  • Elaboração da Alteração do Projecto de Execução da Ecovia do Litoral na Ligação Faro-Olhão (projeto em elaboração).

 

Para o presidente da autarquia, Rogério Bacalhau, esta atribuição é uma honra e uma responsabilidade acrescida: “por um lado, há a satisfação de, pela terceira vez, vermos reconhecido o trabalho que tem sido feito no âmbito da planificação e da concretização da requalificação do espaço público; depois, há naturalmente um acréscimo de expetativas que nos obriga a todos a pensar e a executar de forma ainda mais cuidada a nossa intervenção”. Finalmente, para Rogério Bacalhau, o galardão representa, acima de tudo, “um trabalho de continuidade, que tem ganho estruturação e visibilidade desde a elaboração do Plano de Mobilidade e Transportes, aprovado em Novembro de 2018”.

Paula Teles, presidente do Instituto de Cidades e Vilas com Mobilidade, salientou o empenho da Câmara Municipal de Faro “em duas áreas de excelência fundamentais: a acessibilidade e a regeneração e vitalidade urbana”, acrescentando que os projetos apresentados “estão concretizados e em bom caminho”. Por fim, a responsável frisou ainda “a ação de implementação de modos acessíveis para todos nas diferentes infra estruturas de interesse público em Faro”, num concelho que é já “um caso de excelência no âmbito da acessibilidade para todos e da mobilidade pedonal e ciclável”.

LEIA TAMBÉM:

O que vai acontecer no Algarve

Festival da Sardinha vai mudar de espaço

O que vai acontecer em Lagos


OS NOSSOS VÍDEOS

(Visited 86 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub