Barcos afundados na Ria de Alvor removidos

pub
pub
pub
pub

A Docapesca terminou o processo de remoção de duas embarcações afundadas na Ria de Alvor, na zona da dragagem em curso, uma empreitada da responsabilidade da Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

No decurso dos trabalhos de dragagem dos sedimentos na Ria de Alvor (barra, canal de acesso e bacia portuária do porto de Alvor), foi comunicada pelo empreiteiro a existência de duas embarcações afundadas no leito da Ria, em área de jurisdição da Docapesca.

De modo a que os trabalhos de dragagem pudessem ser devidamente executados naquela zona, a Docapesca procedeu à remoção das embarcações, envolvendo mergulhadores e outros meios para a reflutuação e desmantelamento das embarcações, operação que representou um custo de 22 mil euros.

Os destroços das duas embarcações foram encaminhados para zona de deposição temporária e seguiram posteriormente para aterro.

 

LEIA TAMBÉM:

Jovem ferido em acidente

Nova associação quer agitar o Algarve

EN 125 a Património da Humanidade


OS NOSSOS VÍDEOS

(Visited 153 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub