Estudantes declaram ‘guerra’ a planta invasora

O Agrupamento de Escolas da Bemposta (Portimão) volta a assinalar o Dia Mundial das Zonas Húmidas, o que acontece desde 2017, com a remoção do chorão-das-praias nas dunas da Ria de Alvor por parte de duas turmas da EB 2,3 Francisco Sobral, da Mexilhoeira Grande (dia 2 de fevereiro), e três turmas da EB 2,3 da Bemposta (dia 11).  

O chorão-das-praias (Carpobrotus edulis) é uma planta exótica com comportamento invasor e infestante, constituindo uma das principais ameaças ambientais associadas à degradação de habitats, que constam no anexo I do Decreto-Lei n.º 565/99 de 21 de dezembro, o qual regula a introdução de espécies não indígenas da flora e fauna em território nacional, capazes de afetar seriamente a diversidade biológica, as atividades económicas ou a saúde pública.

Em 2022 a data é também assinalada pela Teia d’ Impulsos, associação sem fins lucrativos que comemora este ano o décimo aniversário, e que efetuará uma limpeza ao areal no porto de pesca de Alvor, com uma turma da EB 2,3 Júdice Fialho (2 de fevereiro) e duas turmas da EB 2,3 Nuno Mergulhão (dia 4).

LEIA TAMBÉM:

Homem ferido em acidente em Portimão

Os eventos que pode ver no Algarve em fevereiro

A RTA está a contratar

(Visited 161 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub