PSD quer poupança de água em Portimão

O PSD de Portimão apresentou, na passada sessão de Assembleia Municipal, uma moção que visava o melhor aproveitamento de água no espaço público.  

Uma das medidas propostas é “a conversão, por parte da Câmara de Portimão, da totalidade de relva natural existente em rotundas e similares áreas não utilizáveis por soluções mais sustentáveis tais como plantas típicas de jardim Mediterrânico”.  

A proposta social-democrata acabou por ser chumbada pela bancada socialista. Contudo, na reunião de Câmara desta quarta-feira, o executivo leva a discussão uma deliberação para utilização de sensores para poupar água. O PSD ironiza que, tendo em conta “a posição de voto dos elementos eleitos pelo PS à Assembleia Municipal, teme-se que a mesma deliberação seja chumbada em reunião de Câmara, se o PS for coerente”.  

O líder do PSD/Portimão, Carlos Gouveia Martins, diz ser “lamentável o que o PS fez”. Aquele dirigente partidário considera que “votar contra uma proposta para se poupar água, numa altura em que, segundo o IPMA, no final de fevereiro havia um agravamento da situação de seca meteorológica em todo o território nacional, com mais de 60 % do território em seca extrema, o que levou a Barragem da Bravura a ter um armazenado de apenas 14,5% da sua capacidade máxima, número este que mostra a severidade da escassez de água que parte do Algarve já enfrentava, é incrível”.

Este dirigente partidário defende que “o PS devia pedir desculpa aos portimonenses pelo sentido de voto que fez, pois poupar água de forma sustentada e  estruturada deve ser um desígnio do Município e o PSD estará sempre favorável a medidas nesse sentido, venham do PS ou do PCP”. Isso significa que “votaremos a favor da deliberação que deverá ser apresentada pela presidente de Câmara socialista”.

LEIA TAMBÉM:

A EMARP está a contratar

Os próximos grandes eventos que pode ver no Algarve

Cinco ofertas de emprego público

(Visited 116 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub