Oficina de empreita em Olhão

O Museu Municipal de Olhão – Edifício do Compromisso Marítimo organiza, nos dias 19 de novembro, 3 de dezembro, 17 de dezembro e 7 de janeiro, uma oficina de empreita.

Este espaço de aprendizagem de uma técnica artesanal secular vai contar com a presença e saber de algumas das mestras que ainda se dedicam à empreita no concelho.

Os participantes terão oportunidade de aprender a entrelaçar a palma da forma como estes conhecimentos eram tradicionalmente transmitidos: entre risadas e dois dedos de conversa.

A técnica da empreita, que consiste em entrelaçar as folhas da palma, ou palmeira-anã (chamaerops humilis), era tradicionalmente feita pelas mulheres, depois de as folhas serem colhidas, secas e separadas de acordo com a sua espessura.

A empreita de palma proveniente do interior do concelho surgiu com a necessidade de embalar figos, amêndoas e alfarrobas para o seu transporte. Passou, então, a ser utilizada noutros objetos quotidianos, na pesca e com fins decorativos. A esteira popularizou-se devido à lacuna de mobiliário nas habitações mais humildes.

Atualmente, a empreita é efetuada quase totalmente com propósitos decorativos, sendo uma das atrações turísticas da região.

A participação na atividade é gratuita e as inscrições podem ser efetuadas através do telefone 289700103, ou do correio eletrónico museu@cm-olhao.pt.

……………….

VÍDEO EM DESTAQUE
A insólita inauguração do telefone nº4

LEIA TAMBÉM:

A insólita inauguração do telefone nº4 (com VÍDEO)

23 ofertas de emprego para a Câmara de Lagos

O recanto ‘secreto’ de Portimão (com VÍDEO)

(Visited 40 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev