Prémio Literário Santos Stockler sem vencedor mas com duas menções honrosas

pub
pub

Não teve vencedor a primeira edição deste Prémio Literário Santos Stockler, promovido pela Câmara Municipal de Lagoa.

O júri entendeu não haver, entre os sete trabalhos concorrentes, nenhum com qualidade suficiente para levar o prémio para casa, pelo que apenas atribuiu Menções Honrosas a Pedro Caetano Amores, com o trabalho “Embriaguez, sensatez e outras virtudes” e a Nuno Manuel de Campos Inácio, com o trabalho “Referências documentais à vinha e ao vinho em Lagoa anteriores à criação do Concelho”.

O Prémio Literário Santos Stockler foi instituído pela Câmara Municipal de Lagoa com o objectivo de “promover, defender e incentivar a criação literária, o gosto pela leitura e pela escrita e valorizar a língua portuguesa, a identidade e diversidade cultural do Algarve, com referências ao Concelho de Lagoa.”

Trata-se, igualmente, de uma forma de homenagear o poeta, jornalista e romancista Santos Stockler (pseudónimo literário de José dos Santos), que nasceu na freguesia de Porches, em 1910, vindo a falecer em Faro aos 79 anos de idade. Homem simples e humilde fez da poesia e das colunas na imprensa uma tribuna de resistência e foi, sobretudo, um antifascista, adversário do regime de Salazar, várias vezes detido pela PIDE/DGS. Fundou e dirigiu, em 1984, o semanário Terra Algarvia e publicou vários livros de poesia.

 

Leia também:

Entidades públicas que estão a contratar

Ofertas de emprego do dia (16 de Dezembro)

Duas ofertas de emprego para Junta de Freguesia algarvia

(Visited 635 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.