PJ detém suspeita de atear fogo a um apartamento

pub
pub

A Polícia Judiciária (PJ), através do seu Departamento de Investigação Criminal de Portimão e com a colaboração da P.S.P. local, identificou e deteve uma mulher indiciada pela prática do crime de incêndio.

Em comunicado, a PJ refere que “a detida regou com gasolina as dependências de um apartamento sito num prédio localizado em Portimão e de seguida ateou fogo, provocando uma explosão seguida de incêndio”.

No documento, acrescenta-se, ainda, que “os vidros das janelas do apartamento projectaram-se em resultado da explosão, tendo caído sobre uma viatura”.

A mulher, de 38 anos de idade, vai agora ser ouvida por um juiz, que determinará as medidas de coacção a que ficará sujeita.

A situação em causa teve lugar ontem, pouco antes das 14 horas, num prédio situado na rua 25 de Abril, em Portimão. Os Bombeiros locais acorreram rapidamente ao local, tiveram como primeira preocupação evitar que as chamas alastrassem a outros apartamentos e em cerca de 20 minutos extinguiram o incêndio.

Leia também:

Mulher acusada de burla superior a 300 mil euros

Incêndio destrói apartamento

Polícia Marítima ‘vai’ ao perceve

(Visited 225 times, 1 visits today)
pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub

pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.