Fazer campismo nas dunas dá multas milionárias

A Polícia Marítima de Olhão realizou, no sábado, 28 de julho, uma ação de fiscalização direcionada ao campismo selvagem, na Ilha da Culatra.

Segundo informa a Autoridade Marítima, em comunicado, no decorrer da ação “foi efetuada a fiscalização a 38 pessoas divididas em quatro grupos, da qual resultaram três autos de notícia devido à montagem de tendas de campismo e realização de fogueiras nas dunas, considerada área sensível, integrada no Parque Natural da Ria Formosa”.

Aquela entidade acrescenta que “estes grupos incorrerem em contra-ordenações graves e muitos graves em que as coimas poderão ir dos 400 aos 4.000 euros, no caso do campismo, e dos 20.000 aos 200.000 euros,  no caso de foguear em área de reserva natural”.

Leia também:

Petições de cidadãos chumbadas pela Assembleia Municipal de Portimão

O futuro do edifício do Hotel Golfinho

Um morto e 9 feridos em acidente na EN 125

(Visited 794 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.