Serviço Nacional de Saúde enfrenta “uma terrível provação”

O deputado algarvio Cristóvão Norte (PSD) considera que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) enfrenta “uma terrível provação.” Trata-se de um panorama pelo qual culpa o Governo, que tem optado por “abdicar de investir em equipamentos, ignorar o crescimento brutal de listas de espera, render-se a indicadores de oferta assistencial que colocam em causa a dignidade humana e o mais elementar acesso à saúde, sofre o risco, como Correia de Campos assinalou, de se tornar uma caricatura por comparação ao que aos seus pais fundadores sonharam.”

Na sessão de encerramento da interpelação ao governo sobre a “situação da Saúde em Portugal”, este deputado perguntou “que dignidade humana resiste, que esboço de humanidade se perpetua, quando no Algarve, doentes com cancro, já diagnosticados, aguardam intermináveis meses para que o Estado liberte uns míseros 200 euros para poderem obter os resultados das análises que fizeram e possam iniciar o tratamento, enquanto a doença implacável se espalha indiferente às mais cruéis burocracias, à falta de bom senso e ao crime que é abandonar as pessoas deste modo?”

Cristóvão Norte concluiu dizendo que “o SNS precisa de mais financiamento, as instituições prestadoras de cuidados de saúde precisam de mais autonomia e os portugueses merecem um sistema de saúde que esteja verdadeiramente ao seu serviço, principalmente daqueles que mais precisam. O PSD defende um sistema de saúde inclusivo, completo, em que as pessoas sejam verdadeiramente o centro das políticas de saúde.”

LEIA TAMBÉM: 

As mudanças que a Câmara de Portimão quer fazer no estacionamento à superfície

Ofertas de emprego para agrupamento de escolas

Câmara de Lagos investe 287 mil euros no cemitério


OS NOSSOS VÍDEOS



OS NOSSOS VÍDEOS


(Visited 95 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev