“Garanto que a Circular Norte vai finalmente ser concluída”

O projeto foi aprovado e agora vai avançar o concurso público para escolher a empresa que terá a responsabilidade de concluir a Circular Norte de Loulé.

O presidente da Câmara, Vítor Aleixo, diz que se trata de uma obra de grande importância para a cidade.

Leia todas as mini entrevistas aqui

A Câmara de Loulé aprovou recentemente o projeto e o arranque do procedimento concursal da segunda fase de construção da Circular Norte. De que forma, uma vez concluído, este troço irá contribuir para melhorar a circulação rodoviária no concelho?

Loulé é uma cidade que tem crescido muito nos últimos anos. Pelo seu dinamismo económico, social e político tem tido a capacidade de atrair muitas pessoas de fora e isso tem gerado uma intensidade de tráfego bastante grande. Muito desse tráfego atravessa a cidade de Loulé, causando naturais perturbações e incómodos.

Fechar esta circular vai fazer com que esses incómodos tenham uma redução muito significativa e, portanto, é uma obra que vale a pena, pela qual a população de Loulé espera há muitos anos e que vai dar um contributo muito importante para a qualidade de vida urbana da cidade.

Quando é que a acha que a obra poderá iniciar-se e, posteriormente, ficar concluída?

Sabemos que vivemos um contexto em que o mercado das obras públicas no país não está fácil. Uma das consequências da crise económica que atravessámos foi o desaparecimento de muitas empresas de construção, por esse país fora. As que existem têm escassez de mão de obra, o que faz com que se vejam impossibilitadas de responder à procura do mercado neste momento…

Receia que o concurso fique deserto?

Não seria a primeira vez que uma situação dessas ocorreria. Temos tido concursos com verbas muito elevadas que têm ficado desertos. Portanto, em face disso, não posso ter certeza quanto ao momento em que a obra poderá arrancar. Se tudo correr bem, poderemos começá-la em abril ou maio do próximo ano. Mas uma coisa é certa, mesmo que as coisas não corram bem, que haja atrasos, o que garanto é que a Circular Norte vai finalmente ser concluída.

Esta é uma empreitada de que valor?

São cerca de quatro milhões de euros, a que há a acrescentar mais de um milhão para a aquisição das parcelas de terreno necessárias para completar a circular.

LEIA TAMBÉM:

Acordo com sindicatos evita greve na EMARP

A Polícia Marítima está a contratar

Joaquina Matos prepara-se para deixar a Câmara de Lagos

 

(Visited 340 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub