Lagoa deixa de ser considerado concelho de risco elevado

Como se esperava, em face do baixo número de casos surgidos nas últimas semanas, Lagoa desce do patamar de concelho de risco considerado elevado para o de risco moderado, de acordo com a revisão hoje feita pelo Governo.

As restrições divulgadas por António Costa, no que aos concelhos de risco moderado diz respeito para as próximas semanas passam a ser as seguintes:

– Recolher obrigatório a partir das 23h de 31 de dezembro;

– Recolher obrigatório entre as 13h e as 05h de 1, 2 e 3 de janeiro;

– Proibição de circulação entre concelhos entre as 00h de 31 de dezembro e as 05h de 4 de janeiro.

Ontem não foram registados novos casos de Covid-19 no concelho de Lagoa, informa a Câmara local.

Pelas contas da autarquia, o número acumulado de casos desde o início da pandemia continua a ser de 259.

Entretanto, 149 pessoas que estavam infetadas já recuperaram e 2 acabaram por falecer.

O número total de casos nas últimas duas semanas baixou para 22 (menos 2 do que no dia anterior), o que dá uma média de 1,6 por dia.

LEIA TAMBÉM:

Ponto de situação em todos os concelhos algarvios

Oferta de emprego para Câmara algarvia

Veja onde vai estar a PSP com o radar

(Visited 253 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

pub
pub