Portimão passa a ter uma plataforma de voluntariado

A Câmara de Portimão passou a disponibilizar no seu ‘site’ na Internet a plataforma “Voluntariado Portimão”, um ponto de encontro entre pessoas que desejam doar o seu tempo ou colocar ao serviço as suas competências para projetos em prol da comunidade e entidades locais que buscam apoio de voluntários.

A autarquia adianta, em comunicado, que a criação desta ‘ferramenta’ “surge como uma necessidade e pretende promover o papel determinante dos voluntários e das entidades locais na construção de uma sociedade mais coesa e solidária”.

Através do “Voluntariado Portimão”, será possível “articular a necessidade de trabalho voluntário com a disponibilidade por parte de pessoas e entidades e estabelecer uma rede de vontades, para além de constituir uma “montra” única de todos as entidades promotoras de voluntariado em Portimão, quer sejam instituições, associações, clubes ou entidades privadas, as quais passam a ter um espaço privilegiado para dar a conhecer o seu trabalho e uma ferramenta útil para angariarem voluntários”.

Numa primeira fase, as entidades promotoras de voluntariado em Portimão deverão aceder à plataforma https://www.cm-portimao.pt/voluntariado-portimao e preencher a “Ficha de Inscrição Entidades” que aí se encontra disponível, indicando as áreas de intervenção e o público alvo. As inscrições serão validadas pelos serviços competentes, para que possam integrar esta plataforma e, a partir desse momento, inscrever os seus projetos de voluntariado.

Os cidadãos de Portimão que queiram ser voluntários poderão inscrever-se na plataforma, através do formulário disponível para o efeito em https://www.cm-portimao.pt/voluntariado-portimao/quero-ser-voluntario, passando assim a integrar uma bolsa de voluntários municipal que será gerida pela serviços da autarquia, considerando o perfil da pessoa e as necessidades existentes. Por outro lado, poderão também ficar a par dos projetos de voluntariado entretanto apresentados pelas entidades locais inscritas na plataforma e estabelecer contacto com as mesmas para tornarem-se voluntárias.

A plataforma Voluntariado Portimão apresenta também um conjunto de outras funcionalidades, nomeadamente o acesso a informação útil na área do voluntariado em termos de legislação, direitos e deveres, oferta formativa, notícias locais e ligações úteis a nível nacional e internacional.

Prémio Municipal de Voluntariado distingue projetos inovadores

Entretanto, abriram hoje as candidaturas para a terceira edição do Prémio Municipal de Voluntariado através do site da Câmara de Portimão, onde está poderá ser consultado o regulamento deste ano e aceder ao formulário de candidatura https://www.cm-portimao.pt/menus/servicos/saude-e-cidadania/premio-municipal-do-voluntariado

A solidariedade social e a saúde, o ambiente, a economia social, a educação e a formação constituem as áreas consideradas neste galardão, devendo os projetos concorrentes promover a melhoria da qualidade de vida das crianças, dos jovens, dos idosos, dos cidadãos portadores de deficiência, dos sem-abrigo, dos migrantes, das etnias e de demais pessoas em situação vulnerável.

Poderão concorrer todos os interessados com projetos na área do voluntariado, ou que possuam uma ideia inovadora para resolver um problema social, e que desta forma terão a possibilidade de ver o seu trabalho reconhecido e apoiado.

As candidaturas, que podem ser realizadas até 15 de outubro próximo, destinam-se a entidades coletivas constituídas e com personalidade jurídica, bem como a pessoas singulares, sendo distinguidos os dois melhores projetos apresentados, um na categoria singular e outro na categoria coletiva, ambos com um apoio pecuniário de 6500 euros.

Os interessados devem, obrigatoriamente, preencher o respetivo formulário de inscrição digital, disponível em https://www.cm-portimao.pt/menus/servicos/saude-e-cidadania/premio-municipal-do-voluntariado podendo solicitar mais informações ou esclarecer dúvidas através do email candidaturaspvm@cm-portimao.pt ou pelo telefone 282 470 727.

Fomentar a integração social

Na sua primeira edição, o Prémio Municipal do Voluntariado coube ao projeto Barbearia Social, uma ideia do jovem barbeiro portimonense Bruno Santos acarinhada pela Cáritas da Matriz de Portimão e que tem como principal objetivo fomentar a integração social dos menos favorecidos através da mudança de visual, facilitando a sua inserção no mercado de trabalho, a pensar em especial nas pessoas com necessidades e sem-abrigo sendo que até à data, beneficiaram deste serviço 61 pessoas do sexo masculino.

Em 2020, o prémio singular vencedor foi “D’Ar te”, de Vanessa Cândido Guimarães, um projeto que envolve teatro, dança, música, voz, expressão corporal e comunicação, visando promover um ensino mais divertido, estimulador e desafiante, através da arte e no mais estrito espírito que norteia o voluntariado.

Quanto à categoria coletiva, foi distinguido o projeto “Nutrição Entérica”, proposto pela Cáritas Paroquial de Nossa Senhora da Conceição, destinado a ajudar as pessoas com necessidade de nutrição artificial, por perda da via oral. 

O objetivo deste projeto, criado em articulação com o Serviço de Gastrenterologia do Centro Hospitalar Universitário do Algarve – Unidade de Portimão, é adquirir produtos de fórmulas de dieta industrial com composição completa padronizada, hipergenética ou hiperproteica, fórmulas de dieta suplementar e produtos de modificação da consistência da dieta, apoiando na respetiva compra famílias com fracos recursos financeiros.

LEIA TAMBÉM:

Casal detido por homicídio

Câmara de Portimão adia arranque de obras de quase um milhão de euros

A história da associação que inventou a Rota do Petisco

(Visited 31 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

pub
pub