Eduardo Ramos atua na Escola Profissional Cândido Guerreiro

No âmbito do projeto “Biblioteca Municipal adota a Escola Profissional Cândido Guerreiro”, decorre no próximo sábado, 19 de março, pelas 15h00, no auditório daquele estabelecimento de ensino de Loulé, um recital poético-musical de homenagem a Cândido Guerreiro, por Eduardo Ramos.

Este momento evoca a obra de um dos maiores poetas algarvios, referência do pós-simbolismo, dramaturgo e advogado, natural de Alte, no ano em que se assinalam 150 anos do seu nascimento.

Eduardo Ramos é cantor, compositor e executante de alaúde do Médio Oriente, tocando também viola, flauta, gambry de Marrocos, zukra da Tunísia e instrumentos africanos. Músico autodidata e multi-instrumentista, é também compositor.

Tem 11 discos gravados e feito concertos em Portugal, Bélgica, Malta, Alemanha, Bulgária, Itália, Espanha e Marrocos; no “Festival Internacional Des Cordes Pincées”, em Rabat, e no “Festival Internacional das Músicas Sagradas do Mundo de Fez”, Festival Otôno Sefardi e Festival Internacional de Música Sefardi em Córdoba – Espanha, nos Dias Da Música no Centro Cultural de Belém, entre outros. Acompanhou com o alaúde o grande poeta palestino Mahmoud Darwich, declamando poesia no Mosteiro da Arrábida e Centro Cultural de Cascais.

Presentemente toca música medieval galaico-portuguesa, música árabe, música sefardita e cantigas portuguesas tradicionais e canta alguns poetas portugueses com música de sua autoria.

A entrada do evento é livre.

LEIA TAMBÉM:

Centro de Congressos do Arade vandalizado

Câmara de Lagoa vai comprar o Centro de Congressos do Arade

Festival da Sardinha regressa a Portimão

(Visited 96 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub