Economia

A ria do Algarve que vale milhões como maternidade de peixes

Partilhe a notícia
pub

Investigadores do Centro de Ciências do Mar (CCMAR) da Universidade do Algarve (UAlg) concluíram que a Ria Formosa vale uma fortuna como maternidade de peixe e apontam ainda o importante papel desempenhado pelas ervas marinhas.

“A densidade e a biomassa das 96 espécies de peixe encontradas na Ria Formosa são cerca do dobro dentro das ervas marinhas do que fora delas”, de acordo com o CCMAR, que adianta ainda que “a produção das espécies comerciais de peixes é duas vezes maior dentro das ervas marinhas”.

“A estimativa do valor da Ria Formosa como maternidade das espécies comerciais de peixe aponta para valores entre 30 a 59 milhões de euros”, segundo revela a CCMAR. Esta entidade diz que “Karim Erzini, investigador do CCMAR e primeiro autor de um estudo sobre o tema na revista Ecosystem Services,ressalva que o cálculo destes valores não tem em conta a mortalidade por pesca a que estes recursos estão sujeitos”. 

A CCMAR afirma, no entanto, que “estes valores realçam a enorme importância que a Ria Formosa tem para a proteção e desenvolvimento das fases juvenis de peixes, que, depois de crescerem, saem da ria sustentando as populações costeiras exploradas pela pesca local”.

Além disso, Rui Santos, investigador do CCMAR e autor sénior do referido artigo, frisa “os benefícios que as ervas marinhas nos trazem, não só no que respeita aos recursos pesqueiros, mas também no suporte da biodiversidade, purificação da água, proteção costeira e, em particular, no sequestro de carbono e mitigação das alterações climáticas”.

(Foto: CCMAR)

……………….
VÍDEO EM DESTAQUE

O encanto secreto da serra de Monchique

Assista aqui a todos os nossos vídeos

(Visited 129 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

EVENTOS NO ALGARVE