Deputados do PSD pedem medidas para resolver as limitações do Centro de Medicina Física e de Reabilitação do Sul

pub

Os deputados do PSD Cristóvão Norte, José Carlos Barros e Miguel Santos apresentaram, na Assembleia da República, um projecto de resolução através do qual recomendam ao Governo que “adopte um modelo de gestão para o Centro de Medicina Física e de Reabilitação (CMR) do Sul que responda às reais necessidades dos utentes do Serviço Nacional de Saúde servidos por aquela unidade especializada”.

Estes deputados referem que “constrangimentos financeiros e gestionários graves” têm vindo a comprometer a adequada prestação dos cuidados de saúde aos utentes do SNS.

Exemplo disso é o facto de “o CMRSul dispor de uma capacidade instalada de 54 camas para internamento, sendo que 27 das quais não se encontram activas por insuficiência de recursos humanos.”

Também o serviço de ambulatório funciona “com constrangimentos provocados por falta de profissionais, situação que afecta a sua actividade e prejudica os doentes que deveria acompanhar.”

Devido a este panorama, tem sido noticiado que a instituição “não estará a aceitar novos doentes, verificando-se ainda um aumento das listas de espera para internamento, situação que afecta e prejudica a população e compromete as possibilidades de recuperação dos doentes.”

Aliás, o Governo reconheceu, no final de Fevereiro de 2017, que “se encontrariam em lista de espera para internamento cerca de 22 utentes do SNS (número que, na presente data, ascende a mais de 40), situação cada vez mais inaceitável, para mais atendendo ao já referido facto de metade das camas do CMFRSul se encontrarem disponíveis, mas não utilizadas por falta de profissionais de saúde.”

Estes deputados pretendem que tais situações sejam rapidamente ultrapassadas e pedem que “seja instituída uma solução que confira ao CMRSul uma plena autonomia institucional, nas dimensões de gestão, clínica, administrativa e financeira, bem como os meios e recursos técnicos e humanos necessários para o eficiente desenvolvimento da sua actividade.”

Leia também:

Detido por posse de arma proibida e suspeita de tráfico de droga

Saiba onde vai estar a PSP com o radar

(Visited 149 times, 1 visits today)
pub

pub
pub

pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.