Portimão contra fecho de agência da Caixa Geral de Depósitos

pub

A Assembleia Municipal de Portimão aprovou uma moção apresentada pela bancada do Bloco de Esquerda contra o fecho previsto da agência da Quinta do Amparo da Caixa Geral de Depósitos.

No documento refere-se que se trata de uma dependência que “atende um considerável número de clientes, acompanha dezenas de pequenas e médias empresas e clientes particulares, alguns já de avançada idade”, pelo que, do encerramento “resultarão prejuízos ” para a população e o comércio local.

Com o fecho da agência também serão retiradas as máquinas multibanco e Caixa Automática 24 Horas, perdendo-se assim “uma mais-valia” para a população, sobretudo idosa, que deixa de ter, na zona, forma de actualizar as suas cadernetas, o que causa transtornos pois muitas destas pessoas “não estão familiarizadas com a utilização de meios digitais”.

Falando em nome da bancada socialista, o deputado municipal José Cardoso assumiu o apoio à moção e anunciou que a presidente da Câmara, Isilda Gomes, enviou uma carta ao presidente da Caixa Geral de Depósitos a manifestar preocupação por esta situação e a solicitar que se encontre uma solução.

Entretanto, na Assembleia da República, o Bloco de Esquerda pediu explicações ao Governo sobre o fecho anunciado não só desta como das restantes três agências algarvias que estão na lista: Monte Gordo, Faro (Gambelas) e Lagos (Ameijeira).

Leia também:

Portimão chumba “Aeroporto Manuel Teixeira Gomes”

A EMARP está a contratar

Câmara de Portimão vai gastar quase 800 mil euros em repavimentações

(Visited 694 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

pub

pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.