Candidato do PSD e CDS à Câmara de Loulé promete baixar IRS e IMI

pub

Realizou-se no passado dia 4 de Junho, na Fonte Grande, em Alte, a segunda edição da Festa da Primavera do PSD/Loulé, desta vez também com a participação do CDS, o parceiro de coligação daquele partido, nas próximas eleições autárquicas, no concelho.

Este almoço convívio foi aproveitado para os dois partidos apresentarem os seus cabeças-de-lista aos órgãos autárquicos a militantes e simpatizantes.

Um dos pontos altos foi a intervenção do candidato a presidente da Câmara, José Graça, que começou por referir-se aos investimentos realizados em estabelecimentos escolares, pré-escolares, creches, centros comunitários e lares, num total de 40 equipamentos, bem como “o enorme investimento em abastecimento de água e saneamento básico”, levados a cabo pelo anterior executivo municipal, liderado por Seruca Emídio, do qual fez parte.

Em contrapartida, acusou, houve uma “quase ausência de investimentos novos nestas áreas” neste mandato.

E isto, apesar da Câmara de Loulé ter vindo a apresentar disponibilidades financeiras crescentes, actualmente, na ordem dos 77 milhões de euros. Perante estes números, considera que a tese da pesada herança “não é mais que uma desculpa para a falta de ideias e projectos e a prova da incompetência política do executivo Socialista.”

Se for eleito, assumiu que vai proceder à devolução de 5% do IRS, baixar o IMI para o valor mínimo permitido por lei e alargar o programa Loulé Solidário à participação das Juntas de Freguesia e às IPSS.

Apresentou ainda compromissos com as empresas como a não aplicação da derrama e, ainda, o apoio técnico às diferentes associações empresariais do sector primário (agricultura, florestas e pescas), do comércio e serviços, do turismo, hotelaria e restauração, incentivando, dessa forma, a apresentação de candidaturas a fundos comunitários por parte das micro, pequenas e médias empresas.

Comprometeu-se, ainda, a retomar o investimento em infraestruturas, concluindo a rede de saneamento básico e abastecimento de água, e a empenhar-se na conclusão da Circular Norte de Loulé, bem como, retomar o processo de construção da Circular Sul. Garantiu, ainda, ir retomar a ligação em quatro faixas a Quarteira e ao Parque das Cidades através de projectos anteriormente desenvolvidos pelo executivo do PSD e investir na reabilitação urbana, principalmente em Loulé, Quarteira e Almancil, e nas sedes de Freguesia.

Esta iniciativa contou com as presenças do secretário-geral do PSD, José Matos Rosa, do secretário-geral adjunto do CDS, António José Batista, e do deputado Cristóvão Norte, para além dos presidentes das concelhias e distritais dos dois partidos.

Para além de José Graça, a coligação avança com os seguintes cabeças-de-lista aos órgãos autárquicos de Loulé: Seruca Emídio (Assembleia Municipal); Hélder Contreiras (Almancil); Sílvia Martins (Alte); José Costa (Ameixial); Vitorino Lourenço (Boliqueime); Francisca de Sousa (Quarteira); Deodato João (Salir); Fábio Bota (São Clemente); Hélder Faísca (São Sebastião) e Margarida Correia (União de Freguesias de Querença, Tôr e Benafim). Leia também:

Ofertas de emprego para o IKEA

Ofertas de emprego para o Algarve (3 de Junho)

Oferta de emprego para autarquia algarvia

Subscreva a nossa Newsletter 

(Visited 115 times, 1 visits today)
pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

pub

pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.