Proteção Civil dá o incêndio como dominado

pub
pub

Dominado mas não extinto. É este o ponto de situação essencial feito pela comandante operacional Patrícia Gaspar sobre o incêndio que há uma semana deflagrou em Monchique e que, daí para cá, alastrou aos concelhos vizinhos de Portimão Odemira e Silves.

Em face disso, ao longo das próximas horas e, eventualmente, dos próximos dias, a maior parte dos operacionais manter-se-á no terreno em operações de combate das chamas que ainda existam, de vigilância a possíveis reacendimentos e de consolição do trabalho feito até agora.

Patrícia Gaspar fez uma nova atualização dos feridos: 41 no total, sendo que apenas um em estado grave.

Entretanto, o presidente da Câmara de Monchique, Rui André, avançou com um balanço provisório dos estragos, que indica ter o fogo provocado prejuízos mínimos de 10 milhões de euros no seu concelho. Quanto a casas afetadas, total ou parcialmente, o número avançado é de meia centena, das quais 10 ou 12 são de habitação permanente.

Leia também:

Campanha de recolha de produtos para vítimas do incêndio

Linha de informação para apoiar bombeiros ou pessoas afetadas pelo incêndio

Ofertas de emprego para o Algarve (9 de agosto)

 

(Visited 202 times, 1 visits today)
pub
pub

pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.