Suspeitos de burla detidos

pub
pub
pub

A Polícia Judiciária (PJ) identificou e deteve uma mulher e um homem pela presumível autoria de seis crimes de burla qualificada, praticados entre finais de 2017 e o início de 2018, envolvendo montantes que rodam as duas centenas de milhares de euros.

Em comunicado, a PJ informa que “os suspeitos, ela consultora imobiliária e ele advogado, faziam crer aos potenciais clientes que conseguiam elevadas mais-valias, aliciando-os a investir no ramo imobiliário, através da aquisição de imóveis em leilões e a posterior venda, com grandes lucros, conseguindo, desta forma, que as vitimas entregassem grandes quantias em numerário, contra a entrega de cheques pré-datados como garantia, sem nunca terem conseguido obter o retorno do dinheiro aplicado”.

As detenções ocorreram no âmbito de uma investigação tutelada pelo Ministério Público do DIAP de Faro.

Os detidos, de 45 e 44 anos de idade e sem antecedentes criminais, vão ser presentes a interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

 

Leia também:

GNR desmantela ‘fábrica’ de droga

Veja onde vai estar a PSP com o radar

Investimento de 900 mil euros na requalificação de mercado

(Visited 159 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub