Faziam-se passar por assistentes sociais para assaltar idosos

pub

A Guarda Nacional Republicana (GNR) informa que está a desenvolver, ao longo do dia de hoje, uma operação policial, dando cumprimento a 42 mandados, dos quais 26 em residências e em veículos, e 16 de detenção, tendo sido, até ao momento, detidas 13 pessoas, pela prática de crimes de furto e roubo, ao longo de todo o território nacional.

Segundo comunicado da GNR, “os suspeitos selecionavam as vítimas, maioritariamente idosos vulneráveis, residentes na zona interior do país, e através de manobras de distração entravam nas suas residências das quais furtavam ouro e dinheiro, recorrendo à violência sempre que estas ofereciam resistência.”

Os suspeitos faziam-se passar por empregadas de limpeza a mando da paróquia local ou assistentes sociais do centro de saúde para auxiliar os idosos a tomar a medicação. 

Acrescenta-se que a GNR “neste processo, em investigação há cerca de 2 anos, registou mais de 30 vítimas, tendo-lhes sido subtraídos bens num valor superior a 100 mil euros.”

 

LEIA TAMBÉM:

Três detidos por tráfico de droga

Homem ferido com gravidade em acidente

Ofertas de emprego para supermercados


OS NOSSOS VÍDEOS

(Visited 157 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev