Francisco Martins deixa o Governo e passa a vogal da ARS/Algarve

pub

O ex-presidente da Câmara de Lagoa, Francisco Martins, foi nomeado vogal do conselho diretivo da Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve. O anúncio oficial, assinado pela ministra da Saúde, Marta Temido, foi publicado hoje em Diário da República.

O antigo autarca deixa, assim, de exercer as funções de adjunto da secretária de Estado Adjunta e da Saúde, Jamila Madeira, para as quais tinha sido nomeado em dezembro do ano passado.

Francisco Martins tinha sido, anteriormente, presidente da Câmara de Lagoa, ao longo de cerca de mandato e meio. Em 30 de julho de 2019 surpreendeu meio mundo ao renunciar ao cargo, alegando razões de saúde.

É enfermeiro, tem 53 anos de idade e, profissionalmente, exerceu, entre outras, as funções de coordenador da Unidade de Cuidados Continuados de Longa Duração e Manutenção da Santa Casa da Misericórdia de Estômbar. Foi, também, dirigente do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses.

Na política, iniciou funções como membro da Assembleia Municipal de Lagoa, entre 1997 e 2001, tendo, depois, ‘saltado’ para a Câmara, como vereador, na altura defendendo as cores do PSD. Antes de voltar à Câmara, pela porta grande, como presidente na lista do PS, ainda esteve na Junta de Lagoa, a qual liderou entre 2009 e 2013.

LEIA TAMBÉM:

Três feridos em acidente

Mais uma pessoa detida por roubo de alfarrobas

Covid-19: DGS regista quatro novos casos no Algarve

(Visited 428 times, 1 visits today)
pub
pub
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev