Câmara de Loulé vai ter orçamento de quase 200 milhões de euros

Foi aprovado em Assembleia Municipal de Loulé no dia 20 de dezembro, o Orçamento e Grandes Opções do Plano da Câmara para 2022.

A Câmara terá uma verba total orçamentada de 132.678.804 euros em 2022, que ascende aos 198.746.627 euros com a incorporação do saldo da conta de gerência e financiamentos.

Em comunicado, a autarquia adianta que “o Orçamento final previsto permite assim um aumento muito significativo dos investimentos em despesas de capital, registando um valor total de 90 milhões de euros para 2022. Destaca-se que o desiderato geral financeiro do equilíbrio orçamental é atingido neste orçamento com uma margem muito substancial de 12,6 milhões de euros”. 

O investimento previsto nas Grandes Opções do Plano 2022 define quatro áreas prioritárias de intervenção no próximo quinquénio. Desde logo destaca-se o apoio às “Pessoas e Famílias” (dotado com 119 milhões de euros), uma bandeira deste executivo desde o seu primeiro mandato. Neste âmbito, salienta-se a Estratégia Local de Habitação que irá gerar 1.400 soluções de habitação até 2030, respondendo a um dos maiores desafios do concelho para a fixação das pessoas e das suas famílias. 

Por outro lado, aquela Câmara propõe-se continuar a apostar na Educação, investindo nos transportes e refeições escolares (28,2 milhões de 2022 a 2026), assim como, no reforço do parque escolar, com duas novas escolas EB1 com jardim-de-infância, em Loulé e em Quarteira. Salienta-se igualmente a construção da nova creche do Forte Novo na cidade de Quarteira e a ampliação da EB 2/3 Eng.º Duarte Pacheco em Loulé. 

Nas áreas da Saúde e da Intervenção Social, a Autarquia vai investir na construção da Unidade de Saúde Familiar (USF) e na Unidade de Cuidados Continuados de Loulé, na requalificação do Centro de Saúde de Almancil, na nova USF em Quarteira, na concretização das novas instalações do INEM no Algarve e na requalificação e ampliação do Centro Comunitário da Nossa Senhora da Conceição, no Barranco do Velho.

No que concerne à promoção da “Mobilidade e Qualidade de Vida” (para o qual estão previstos 67,4 milhões de euros nos próximos anos), serão construídos novos acessos fundamentais, com destaque para a segunda fase da Circular Norte de Loulé e da Avenida do Atlântico, em Quarteira, bem como, a via de ligação da rotunda Afonso de Albuquerque à Avenida Laginha Serafim em Loulé.

No que diz respeito ao acesso à “Cultura e ao Desporto” (com um investimento de 32 milhões de euros no horizonte de 5 anos), destacam-se a criação do Quarteirão Cultural em Loulé, a recuperação e musealização dos Banhos Islâmicos, a reabilitação do antigo Casino de Quarteira e o apoio a diversas associações, nomeadamente através da Bolsa de Teatro e apoio a residências artísticas. 

A obra do novo Pavilhão Desportivo Multiusos em Almancil, a reabilitação dos campos municipais de Loulé e de Quarteira, bem como um significativo investimento destinado aos contratos-programa com os clubes e associações para o desenvolvimento dos seus projetos desportivos também estão inscritos no documento.

LEIA TAMBÉM:

Duas mulheres feridas em acidente em Portimão

Oferta de emprego público

Lagoa é dos municípios do país com melhor desempenho financeiro

(Visited 26 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub