Grupo Pestana avança com a construção de mais uma unidade hoteleira

pub

O Pestana Hotel Group lançou, esta Quinta-feira, 28 de Setembro, a primeira pedra de um novo hotel de 5 estrelas, o Pestana Quinta da Amoreira, na zona de Alvor, concelho de Portimão, numa cerimónia que contou com a presença do ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral.

Trata-se de uma unidade hoteleira que vai custar 50 milhões de euros, empregar 300 pessoas e que deverá ser inaugurada no Verão de 2019. Vai estender-se por um espaço correspondente a 13 campos de futebol e ficar focada no segmento de mercado all inclusive luxury.

Será constituída por edifícios de 1 e 2 pisos e terá capacidade para 450 unidades de alojamento (388 quartos e 62 suites). Terá 4 restaurantes, 3 bares, 6 piscinas, 4 salas de massagens, sauna e banho turco.

Uma vez construído, este empreendimento “vai atrair ao Algarve clientes de luxo all inclusive de 5 estrelas, que estão espalhados por resorts de todo o mundo o mundo” referiu, na apresentação, um dos administradores do grupo, Pedro Lopes.

Esta será a segunda unidade do grupo neste segmento, seguindo-se ao Pestana Porto Santo e, segundo explicou Dionísio Pestana ao «Algarve Marafado», a decisão de a construir vem no seguimento do sucesso que tem tido a unidade madeirense, que tem recebido vários prémios nacionais e internacionais.

Como as operadoras se queixavam do Algarve não ter nenhuma unidade do género, resolveu avançar com este projecto, num terreno que estava previsto ser destinado ao imobiliário.

O ministro da Economia elogiou o investimento, que disse esperar venha a contribuir para que o “bom momento que o turismo atravessa” se mantenha por muitos anos. O governante lembrou que este ano o aumento do número de turistas se cifra em 10% no número de turistas e, ainda mais importante do que isso, o das receitas cresceu 20%.

Destacou ainda o facto destas subidas se terem registado em todos os meses, mas serem mais pronunciadas fora da época alta, situação que contribui para esbater os problemas da sazonalidade.

Para além de diversos outros, um dos factores que, na sua opinião, estão na base deste crescimento é terem os responsáveis pelo sector ido “trabalhar directamente com as companhias de aviação para que elas alargassem as suas rotas ao Inverno”.

 

 Leia também:

3 ofertas de emprego para câmara algarvia

7 ofertas de emprego para agrupamento escolar

14 ofertas de emprego para câmaras algarvias

(Visited 797 times, 1 visits today)
pub

pub
pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.