Jovens apresentaram propostas aos autarcas de Lagos

O Centro Cultural de Lagos recebeu mais uma Sessão Ordinária da Assembleia Municipal da Juventude, “órgão parlamentar” criado em 2001, pela Assembleia Municipal de Lagos, com o objectivo de promover a participação dos cidadãos e, em particular, dos jovens na vida da comunidade lacobrigense e nas decisões autárquicas. Desta vez, os temas em análise e debate foram a “Mobilidade” e a “Valorização do Património”.

Constituída por jovens alunos dos dois Agrupamentos Escolares do concelho (Agrupamento de Escolas Júlio Dantas e Agrupamento de Escolas Gil Eanes), de modo a garantir a sua correta representatividade, o órgão reúne uma vez em cada ano lectivo e participa, também, activamente nas comemorações do 25 de Abril anualmente organizadas pelo Município.

Os trabalhos iniciaram-se com a apresentação do vídeo promocional de Lagos recentemente produzido e com a informação escrita da Presidente da Câmara Municipal acerca da actividade do Município.

Dirigindo-se aos membros da Assembleia da Juventude e ao público presente, constituído na sua maioria por alunos e docentes das escolas de Lagos, Maria Joaquina Matos sublinhou o carácter pioneiro desta iniciativa, considerando-a um projecto de afirmação e consolidação da Democracia, que gradualmente tem vindo a ser adoptado também em outros Municípios.

Os membros das duas bancadas colocaram questões sobre a informação escrita da Presidente da Câmara e fizeram as suas apresentações sobre cada um dos temas da ordem de trabalhos, propondo medidas concretas.

A maior divulgação da actividade municipal, em especial da oferta cultural, a criação de um programação de actividades para os jovens nas férias escolares, os dados estatísticos da procura e da resposta ao nível do atendimento presencial, do atendimento online e do atendimento telefónico dos serviços municipais, a petição sobre o Hospital de Lagos, o Projecto de Valorização da Ponta da Piedade e a Prospecção de Petróleo ao largo da Costa Alentejana, foram algumas das questões suscitadas pelos jovens à presidente da autarquia.

Relativamente ao tema da “Mobilidade”, entre as propostas apresentadas estão: a criação de maior acessibilidade às praias para pessoas com mobilidade reduzida; a instalação de meios para permitir a essas pessoas a toma de banhos de mar; a alteração/ajustamento dos circuitos e horários dos transportes públicos que servem as escolas; a criação de uma carreira que, feita por autocarro eléctrico, tenha como destino as praias do concelho; a criação de uma ciclovia; e a criação de mais zonas de estacionamento de bicicletas.

O segundo tema em debate foi a “Valorização do Património” e também nesta área foram muitas as propostas apresentadas pelos jovens deputados, salientando-se: a sugestão de revitalização da Antiga Estação Ferroviária de Lagos com a criação de um Núcleo Museológico; a recuperação e dinamização do Parque Dr. Júdice Cabral; a instalação de sinalética na cidade de Lagos e a conservação do património edificado religioso, designadamente a pintura da Igreja de Santa Maria.

  Leia também:

Câmara algarvia quer contratar 81 pessoas

Relacionamento do clube com a SAD divide candidatos à presidência do Portimonense

PJ detém suspeito de violação

(Visited 110 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.