Jornadas de Protecção Civil

Loulé recebeu as Jornadas Municipais de Protecção Civil, promovidas pelo Comando Distrital de Operações de Socorro de Faro e Serviço Municipal de Protecção Civil de Loulé.

Esta iniciativa contou com mais de meia centena de participantes com responsabilidades na área da protecção civil distrital e municipal, nomeadamente elementos do Centro de Coordenação Operacional Distrital, do executivo municipal, das juntas de freguesia, das empresas Municipais, das comissões municipais de Protecção Civil e de Defesa da Floresta Contra Incêndios, entre outras entidades cooperantes.

As Jornadas iniciaram-se com a reunião semanal do Centro de Coordenação Operacional distrital (CCOD) de Faro,  coordenada pelo Comandante Operacional Distrital, Vitor Vaz Pinto.

Seguiu-se a apresentação, por parte do vereador da Autarquia Carlos Carmo, sobre a organização e trabalho desenvolvido nas várias áreas de actuação no Município de Loulé.

No período da tarde foi possível observar trabalhos já realizados e em curso no âmbito da defesa da floresta contra incêndios. A visita iniciou-se no Barranco do Velho, local onde Pedro Jesus, técnico coordenador da Associação de Produtores Florestais da Serra do Caldeirão, mostrou os trabalhos levados a cabo na Rede Primária da Faixa de Gestão de Combustível no âmbito da Zona Intervenção Florestal de Loulé nº1, sublinhando a importância destas faixas de descontinuidade de vegetação.

Ainda no Barranco do Velho, os participantes nas Jornadas visitaram as instalações da Instituição de Solidariedade da Serra do Caldeirão, local onde, durante o período crítico dos incêndios florestais, ficará instalada uma Brigada de Bombeiros.

Já na localidade de Vale Maria Dias a comitiva fez uma paragem para visitar uma instalação que foi adquirida recentemente pela Câmara Municipal e que constitui uma unidade avançada de proteção civil, com várias valências.

Os trabalhos da tarde terminaram no sítio dos Vermelhos, Ameixal, onde o Tenente Coronel Amaral do Regimento de Engenharia nº 1 fez uma breve apresentação sobre os trabalhos realizados no âmbito do protocolo assinado entre o Município de Loulé e o Exército, nomeadamente em termos de desmatações e beneficiações dos caminhos florestais.

Para a organização, o balanço das Jornadas foi bastante satisfatório já que permitiu aos participantes verificar in loco os trabalhes desenvolvidos e os projectos em curso, tal com fortalecer as várias parcerias no âmbito da proteção civil no patamar municipal e distrital.

  Leia também:

Câmara de Portimão tem resultados positivos de 20 milhões de euros

Câmara algarvia quer contratar 81 pessoas

António Costa vem a Lagoa assistir a espectáculo de homenagem a Carlos do Carmo

(Visited 80 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.