Homem detido após provocar incêndio na sua própria habitação

pub

Militares da Guarda Nacional Republicana (GNR) detiveram, esta quarta-feira,  um homem, de 56 anos, por ter provocado um incêndio na sua residência, no concelho de Faro.

Em comunicado, a GNR informa que “no seguimento de uma ocorrência de violência doméstica, em que as vítimas, mãe e filha, de 54 e 17 anos, estavam no exterior da habitação, devido ao comportamento agressivo do seu marido, a GNR deslocou-se de imediato ao local, verificando que o agressor se encontrava trancado em casa”.

Os seus militares prestaram auxílio às vitimas, transportando-as para as instalações da GNR, a fim de as acompanhar e de formalizar a denúncia. Momentos depois,foi recebida uma nova denúncia “dando conta de um incêndio a deflagrar na mesma residência, tendo os militares ido ao local, apurando que o agressor deliberadamente tinha ateado fogo ao interior da casa, procedendo à sua detenção”.

O detido, após ter sido presente ao Tribunal Judicial de Faro, ontem, dia 2 de maio, ficou sujeito à medida de coação de afastamento das vítimas, sendo controlado por pulseira eletrónica.

Leia também:

Homem morto a tiro

Ofertas de emprego para agrupamento de escolas

Resgate de estacionamento à superfície custa 850 mil euros à Câmara de Portimão

(Visited 141 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub
pub