Lagos em risco de dar passo atrás no processo de desconfinamento

O concelho de Lagos está em risco de dar um passo atrás no processo de desconfinamento.

De acordo com a informação diária há pouco divulgada pela Câmara local, ontem foram registadas mais 3 pessoas infetadas com o vírus da Covid-19, o que faz com que o total acumulado dos últimos 14 dias esteja agora nos 56 casos.

Isso significa que o concelho se mantém acima dos 120 novos casos por 100 mil habitantes. Para ficar abaixo desta ‘linha vermelha’, Lagos precisaria de descer para o máximo de 36 em duas semanas, ou seja, ter uma média diária de apenas 2,5 casos.

Na maioria dos últimos dias, o concelho até tem andado dentro desses valores, mas o elevado número de casos (11) surgidos no dia 27 de abril acabou por complicar as contas.

Na intervenção que fez no passado dia 29, António Costa apresentou uma lista de concelhos, da qual Lagos faz parte, que estavam em risco de fazer marcha-atrás no processo de desconfinamento se na próxima avaliação tiverem resultados acima dos 120 novos casos por 100 mil habitantes em 14 dias.

No ponto de situação de hoje, a Câmara de Lagos alerta para esta situação, pelo que, avisa, “é urgente que se mudem os comportamentos, de forma a cumprir as normas de saúde e baixar o número de casos diários”.

LEIA TAMBÉM:

Covid-19: Ponto de situação em Portimão

79 ofertas de emprego

Veja onde vai estar a PSP com o radar

(Visited 1.097 times, 1 visits today)
pub
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub