Câmara de Lagos reclama mais médicos para o concelho

pub

A Câmara Municipal de Lagos aprovou, por unanimidade, na reunião pública que decorreu no dia 4 de Janeiro, uma moção “exigindo ao Governo a tomada de medidas urgentes que assegurem o acesso de todos a cuidados de saúde dignos e essenciais”.

O executivo municipal manifesta “contestação pela falta de qualidade na resposta da prestação de serviços de saúde que estão a ser dispensados aos utentes do Hospital de Lagos/região e o protesto e não aceitação do prosseguimento desta situação”.

A autarquia reclama, essencialmente, “medidas urgentes que promovam a contratação dos profissionais de saúde” que fazem falta.

O executivo municipal justifica esta tomada de posição pela “situação extrema verificada no passado dia 3 de Janeiro, data em que a Administração do CHA – Centro Hospitalar do Algarve, tomou a decisão de retirar os médicos ao serviço no Hospital de Lagos ficando o mesmo em risco de funcionamento, prática infelizmente recorrente, com inúmeras escalas sem médico atribuído.”

Leia também: 

Obras para resolver o problema do abastecimento de água a Bensafrim

Câmara de Lagos reforça o seu quadro de pessoal

Uma associação com garra

Subscreva a nossa Newsletter 

(Visited 77 times, 1 visits today)
pub

pub
pub

pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.