Solidariedade para com a Madeira cancela cerimónia oficial de abertura da Fatacil

pub
pub

A Fatacil 2017 abre hoje as portas, mas não vai assinalar oficialmente o início da sua 38ª edição. Em comunicado, a entidade organizadora, a Câmara de Lagoa, justifica esta decisão por uma questão de respeito pelo dia de luto nacional decretado pelo Governo de Portugal em função da tragédia ocorrida na Madeira.

A autarquia aproveita para manifestar “profundo pesar pelas vítimas do trágico incidente, endereçando votos de solidariedade à população madeirense e a todas as famílias atingidas.”

Apesar de não contar com cerimónia oficial, a programação da feira, nos seus diversos sectores e vertentes, mantém-se como previsto, num dia em que se espera forte afluência de público. Para isso, para além da natural curiosidade por parte de muitas pessoas de ir ver como está a edição deste ano, contribui o facto da animação musical desta noite ficar por conta de Agir, cujo espectáculo, na edição do ano passado, bateu recorde de assistência.

Nas próximas nove noites ao palco vão subir Richie Campbell (dia 19), João Pedro Pais (dia 20), GNR (dia 21), Dengaz (dia 22), Quim Barreiros (dia 23), Carminho e Tiago Bettencourt (dia 24), Xutos & Pontapés (dia 25), Matias Damásio (dia 26) e os D.A.M.A. (dia 27).

O certame conta, este ano, com cerca de 700 expositores. O preço dos bilhetes para cada dia mantém-se nos 3,5 o passe para os 10 dias pode ser adquirido a troco de 20 euros. A organização disponibiliza, ainda, bilhetes familiares (para 4 pessoas), que custam 12,50€ euros e a entrada para as crianças com idade até aos 12 anos é grátis.

  Leia também:

Campanha eleitoral em Portimão custa mais de 100 mil euros

Campanha eleitoral de Lagos custa quase 90 mil euros

Engenho explosivo encontrado em praia algarvia

(Visited 277 times, 1 visits today)
pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub
pub

pub

pub

pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.