Campanha eleitoral algarvia custa 1,4 milhões de euros

pub
pub

No Algarve há campanhas eleitorais para todos os gostos e bolsas. Há candidaturas que tencionam investir menos de mil euros e outras que orçamentaram gastos de largas dezenas de milhares de euros.

A que deverá fazer a campanha mais económica é a coligação ‘Por Amor ao Concelho de Silves’, que junta o MPT e o PPV/CDC, que assume ir gastar apenas 300 euros. Também as candidaturas do PAN no Algarve são low-cost, pois envolvem valores que oscilam entre os 865 euros (Albufeira, Lagos e Faro) e os 920 euros (Loulé).

Do lado contrário da tabela, encontramos candidaturas como as da coligação PSD/CDS/PPM e MPT em Faro (53.193 euros) e as do PS, em Tavira (73.618 euros) e Loulé (82.522 euros).

No total, e de acordo com as contas feitas pelo ‘Algarve Marafado’, a partir dos orçamentos das candidaturas disponibilizados no site da Entidade das Contas e Financiamentos Políticos, a campanha eleitoral na região deverá custar um valor ligeiramente superior a 1,4 milhões de euros.

Os concelhos em que as candidaturas tencionam investir mais forte são os de Loulé (um total orçamentado de 169.601 euros), Faro (147.288) e Tavira (121.800), mas há três outros em que as verbas andam, igualmente, acima dos 100 mil euros (Albufeira, Olhão e Portimão).

Na cauda da tabela, no que a investimentos diz respeito, encontram-se  S. Brás de Alportel (45.639), Alcoutim (35.712) e Monchique (32.670).

  Leia também:

Campanha eleitoral em Portimão custa mais de 100 mil euros

Campanha eleitoral de Lagos custa quase 90 mil euros

Aqui se faz a campanha eleitoral mais cara do Algarve

 

(Visited 416 times, 1 visits today)
pub

pub

pub

pub

pub
ViladoBispo_Banner_Fev
pub

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.